3 de jun de 2011

TIMONHA: NOTAS FALSAS ROLAM À SOLTA

Imagem meramente ilustrativa
Um comerciante local vendeu sua moto BIZ, de cor vermelha, por R$ 1.050,00. A sua satisfação foi tanta, pois havia vendido bem sua moto, que logo foi aos acertos das suas dívidas, as quais sempre foram bem quitadas. O comerciante é um cidadão humilde e que sempre trabalhou com honestidade pra botar a rapadura dentro de casa. Depois de ter pago uma dívida de R$ 500,00, o mesmo partiu ao cumprimento de outras. Para sua surpresa, ouviu do patrão que o mesmo estava portando notas falsas. Todas eram falsas. Portanto, o mesmo sendo quem já descrevi, voltou e recolheu os R$ 500 que havia pago. A moto foi vendida pra desconhecidos, o vacilo maior do comerciante. Enfim, é a estratégia desrespeitosa, barata, mas eficaz que os emigrantes do crime escolhem para estarem se trasferindo para o interior. No Posto de Gasolina local também foi recebida uma nota ontem (02). Já hoje (03), comércios locais identificaram mais notas "rifugas". Clique AQUI e aprenda a identificar notas falsas.

Um comentário:

valdinar disse...

e meu caro tata, saudades daquela epoca que vc mesmo e sabedor, vc ficava la no tio jonas semanas, e quando chegava qualquer pessoa pedindo dormida, tio jonas nem falava que era possivel, ja mandava armar aquela rede com cheiro de mala de madeira, ai que saudade, hoje infelismente isso não e mais possivel, no conselho, no cajueiro do coutinho, em timonha, em adrianopolis em qualquer lugar devemos disconfiar de tudo e de todos, ai saudade de um tempo que não volta mais.

valdinar fernandes