8 de abr de 2011

VEREADORES GRANJENSES NÃO SE PREOCUPAM COM POLÍTICAS PÚBLICAS

Mais uma Sessão Ordinária da Câmara Municipal da Granja se encaminhou com ofensas e uma ínfima preocupação com a atuação para o povo que os promoveu à Casa onde se deveria criar Leis em benefício da coletividade granjense. O ex-presidente da Casa e atual Secretário de Agropecuária e Abastecimento,  Falbe Teles de Brito (PSDB), foi convocado pelo vereador Chico Ézio para prestar esclarecimentos referentes a atuação de sua pasta. Na hora de responder as perguntas dos vereadores, Falbe Teles se valeu de sua acessoria. O que não foi aceito. Isso provocou um bate boca entre oposição e governistas. Na hora de responder as perguntas dos vereadores, o secretário se valeu de sua acessória. O que não foi aceito. Isso provocou um bate boca entre oposição e governistas. Em meio à baixaria causada, a vereadora Líder do Governo, Rosa Helena (PSDB), se retirou da sessão em sinal de protesto à decisão do presidente João Turé. (Informações do Blog Granja Ceará)

Lembremos:

Na primeira palavra como presidente da Casa, João Turé, afirmou que iria está fazendo uma administração para o povo. Pelo jeito, a fliosofia da perseguição é de quem consegue ostentar de algum "Poder", seja ele de que forma seja. Infelizmente, o povo é quem perde pagando a maior parte destes que pouco sabem sua essência como representantes públicos.  

Atuação em Timonha:

Enquanto que aqui em Timonha a população vive apreensiva por conta de um rapaz, dito deficiente mental, que invade casas, comércios, quintais, colégios, tenta abusar de mulheres, sendo a maioria menores, e nada de providências são tomadas. Sua família é desestruturada e também tem antecedentes de doença mental. Onde estão nossos representantes? Cito apenas essa situação de omissão, porque é a mais grave no momento. Falta muito, porém em Timonha quem tem feito algo é o "Janjão".

5 comentários:

Jacinto Alves disse...

Quando você se referiu "Falbe Teles se valeu de sua acessoria." ele devia ter capacidade de responder, votamos num acessor ou no vereador? E quando fala "Pelo jeito, a fliosofia da perseguição é de quem consegue ostentar de algum "Poder", seja ele de que forma seja..." já estamos acostumados com esse perseguição. E pra terminar, quando você pergunta "Onde estão nossos representantes? " eu respondo, não sei, como você também não sabe. Deve está na Jericoaquara, em sua toca.

BADYBOY disse...

Isso tudo é pq v6 não estão mais no poder da camara? eu digo é valha.

G.I - GRANJA INFORME disse...

Meu Caro
Parece-me ao meu ver, você não mantem a impacialidade o que não pega bem para um dono de blog.

O que você relata quanto a um doente mental, isso a obrigação de quem resolver o problema é da Ação Social, com relação quando você menciona o Janjão, ele ganha do municipio, ele tem cargo comissionado na prefeitura, se o mesmo tá fazendo alguma coisa aí, não tá fazando nada mais do que sua obrigação.

Timonha Notícias disse...

Olá caros estimados leitores! Me faz bem saber da indignação e divergência causadas pela leitura nas postagens aqui publicadas, porém, respondendo a colocação do G.I. quanto a "imparcialidade" por ele interpretada, gostaria de informa-lhe que a obrigação dos legisladores não deixa de existir quando estes saem de uma bancada para outra. Estes sim foram promovidos pelo povo para esta função específica, além de fiscalizar a execução de suas criações públicas.

Tatá

Miquelinne... disse...

Êh...Como é triste ver a nossa realidade dita de formna sincera! Isso incomoda a quem protege, indigna a quem sofre com ela e traz de alguma forma um debate adulto sobre as ações não tomadas! O "poder" não deveria ser uma arma para lucros individuais e sim uma maneira de melhorar a vida de quem precisa, mas infelizmente, vivemos em uma sociedade individualista, onde ambos só olhamos para o nosso próprio umbigo!
No mais caro blogueiro, Parabéns pela coragem de expôr o que pensa...Poucos tem a coragem de falar da realidade, pelo fato de incomodar a quem não a vive\!

Mikkey...Sua fã (: