31 de mar de 2011

"NÃO TENHO MEDO DA MORTE, EU TENHO MEDO DA DESONRA."

O pensamento supracitado é de origem do filósofo grego Sócrates, porém recitado com muita sabedoria e propriedade pelo ex-vice Presidente da República José Alencar, em sessão solene de homenagem ocorrida dia 27 de abril do ano passado (2010) pela Câmara dos Deputados. José Alencar é um dos maiores exemplos de perseverança, otimismo e esperança para o povo brasileiro. Em quase 15 anos de luta contra suas deficiências graves à vida, ele jamais demonstrou medo ou insegurança de sua vitória contra o câncer. Sua postura política, simplicidade e lisura como empresário, político, amigo e familiar ficam como seu maior legado a ser seguido. O Brasil perde parte de sua identidade. Perde um grande homem! 
Acabo de descrever um "pouquim" de um ex-presidente de uma das maiores repúblicas federativas do mundo e que em uma parte de sua vida dormia no corredor de uma pensão. Adeus para sua presença corpórea nesta estadia obsoleta. Emocionado...

Um comentário:

Miquelinne... disse...

Fará falta ao nosso país esse homem honrado e batalhador!
Ele se foi, mais seus atos e sua luta pela vida, ficam como exemplo para futuras gerações...E com toda a tristeza de um país em luto, ele levará sempre consigo o nosso respeito e admiração, e um pedaço prazeroso e exemplar de Nosso Brasil! José Alencar, exemplo de vida e superação
(: